dois coelhos

Esta é a nossa história, dois rapazes destinados um para o outro, que se conheceram quando um tinha 20 anos e o outro 26.
Desde esse dia que a nossa vida mudou para sempre! E vocês são as nossas únicas testemunhas!

sexta-feira, 13 de junho de 2014

São Francisco - Los Angeles

Não podíamos sair de São Francisco sem uma ida à Golden Gate Bridge. É verdade que chegámos à cidade por esta via, mas já era noite e não deu para parar e apreciar a paisagem. Por isso, no nosso último dia na cidade, não havia grandes dúvidas de onde ir.

Logo de manhã, depois do pequeno almoço (incluído no preço do hostel) fomos à rent-a-car da Alamo que até era duas ruas abaixo do hostel levantar o carro para o último segmento da viagem. Desta vez ficámos mesmo com o carro da categoria escolhida (o mais barato), que custou cerca de 100€, por três dias e com o combustível incluído. Além disso, permitia um condutor adicional, e depois de 4000 km eu estava deserto que o P passasse para o volante.

A primeira paragem foi então junto à Golden Gate, num parque panorâmico com pontos de informação sobre a ponte e a sua construção. As comparações com a nossa ponte 25 de Abril são naturais, mas de facto a Golden Gate é maior e mais imponente. Como a ponte permite a passagem a pé, fizémos ainda alguns metros, e senti um arrepio com os telefones de apoio para prevenção do suicídio (a Golden Gate é o segundo local do mundo mais procurado para cometer suicídio).





De volta ao carro, começámos a fazer os cerca de 700 km que nos separavam de Los Angeles. Sem paragens levariam 8 horas a fazer, mas como a vista da Highway 1 é espetacular, fizémos mais paragens do que o esperado. Assim, quando chegámos a Monterey, já começava a cair a tarde. A 17 Mile Drive é uma estrada panorâmica, que atravessa Pebble Beach e Pacific Grove. Aparece em tudo o que é guia, e claro que não deixámos ficar para trás (mas como é uma via particular, ficaram para trás cerca de 7€).

Olha o Namorado... 

Para além dos campos de golfe, um farol e uma ou outra praia que nem são nada por aí além, o que mais atenção merece é o Cipreste Solitário, um cipreste com cerca de 250 anos, encalhado num rochedo junto ao mar.




Um drive in onde parámos para comer





Perto de San Luis Obispo já era noite, e acabámos por decidir fazer o resto do caminho por autoestrada. Em Los Angeles o Paulo e a Laura estavam à nossa espera, e não queríamos chegar demasiado tarde.

18 comentários:

  1. Já agora, onde é o sítio que se cometem mais suicídios? LOL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É a ponte de Nankín sobre o rio Yangtsé, na China (Wikipedia dix it)

      Eliminar
    2. Coelho é "Dixit", tudo pegado. Utiliza-se muito na Universidade de Coimbra a máxima "Magister dixit" (O professor disse - como quem diz, ele disse e não tem discussão possível).

      De qualquer forma, obrigado pelo esclarecimento :)

      Eliminar
  2. é assim, têm que começar a convidar a malta :D

    ResponderEliminar
  3. Cada vez mais curioso com os EUA e a culpa é vossa :P

    ResponderEliminar
  4. QUE COINCIDENCIA! estive em Frisco no mes passado e também notei esta placa para audar quem pensa em se suicidar se jogando da Golden Gate - se bemque com o vento a gente quase cai sem precisar quere isto! Suas fotos ficaram muito boas! parabens!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mesmo, só o vento já deve ser responsável por alguns suicídios, lol! :D

      Eliminar
  5. O namorado não tem tanto cabelo lololol mas tem barba LOL por falar nisso que saudades de surfar :( deixa-me ver o mar para o fim de semana!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Qualquer dia compro uma prancha também. Mas só para o style, lol, que desportos de água não é comigo.

      Eliminar
    2. O Coelho não sabe nadar, YO! :D

      Eliminar
    3. Estás ai malandro... lolol com a cabeça fora da toca à escuta lolol

      Eliminar
    4. Por acaso, acabadinhos de chegar do gym, onde tomámos banho... de água fria. :(

      Eliminar
    5. LOL Podia ser pior LOL ninguém merece

      Eliminar
    6. Reclamámos, ficou lá apontado o número de sócio, vamos a ver se oferecem uma mensalidade para compensar.

      Eliminar